Assinatura RSS

Plínio Marcos

Publicado em

“Eu falo daquelas pessoas que só berram da geral, sem nunca influir no resultado”

“A censura agora é a mídia”

“Se continuar essa situação que está aí, a peça vira um clássico” (sobre Navalha na Carne e a situação do Brasil)

Palhaço, operário, jogador de futebol, camelô, dramaturgo…. Um dos maiores gênios populares que o Brasil teve, Plínio Marcos teve uma história singular, que já vale, ela mesma, uma peça de teatro. Vindo do povo, incentivado a fazer teatro por Pagu e sempre perseguido pela censura (primeiro da ditadura, depois da mídia) sua voz deve ser eternamente ouvida e seus personagens marginalizados ícones de uma luta que parece nunca acabar.

Sua trajetória foi totalmente não-linear. Alternou sucessos de público e crítica, com o abandono posterior. Da mesma forma, era dramaturgo e diretor num dia, no outro era técnico, assistente de teatro, camelô e outras coisas. Em 1988, quando deu uma entrevista ao Jô, mesmo sendo um dos maiores dramaturgos da história do país, vendia seus livros nas ruas e nos bares.

Vejam um pouco desta inesquecível figura!

Neste sítio oficial de Plínio Marcos tem muitas informações biográficas importantes. A maioria delas narradas pelo próprio autor.

http://www.pliniomarcos.com/dados/origens.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: